Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Artigos

  17/04/2018 
PE. BRENDAN COLEMAN MC DONALD

Pinceladas da Exortação Apostólica “Gaudete et Exultate”

 

No dia 9 de abril, próximo passado, foi publicada a Exortação Apostólica “Gaudete et Exultate” do Santo Padre Francisco. O título “Gaudete et Exultate”, “Alegrai-vos e exultai”, repete as palavras que Jesus dirige “aos que são perseguidos ou humilhados por causa dele”. A Exortação Apostólica é um documento de quarenta e quatro páginas, cinco capítulos e cento e setenta e sete parágrafos. Podemos dizer que este documento não é “um tratado sobre a santidade, com muitas definições e distinções”, mas traz os desafios de ser santos no mundo atual. Falando sobre como viver a santidade o Papa afirma que é um chamado para todos em um mundo que apresenta tantos desafios à fé. Segundo o Papa, a vida de santidade está intimamente ligada à vida de misericórdia. O santo é aquele que sabe comover-se e mover-se para ajudar os miseráveis e excluídos e curar as misérias, e em nosso mundo agressivo fazer isso “com alegria e senso de humor”.  O Papa diz: “Gosto de ver a santidade no povo paciente de Deus: nos pais que criam os seus filhos com tanto amor, nos homens e mulheres que trabalham a fim de trazer o pão para casa, nos doentes, nas consagradas idosas que continuam a sorrir. Nesta constância de continuar a caminhar dia após dia, vejo a santidade da Igreja militante. Esta é muitas vezes a santidade ‘da porta do lado’, daqueles que vivem perto de nós e é um reflexo da presença de Deus…”.

O Papa estigmatiza o gnosticismo e o pelagianismo. O gnosticismo ele observa é uma autocelebração de “uma mente sem encarnação, incapaz de tocar a carne sofredora de Cristo nos outros, engessada numa enciclopédia de abstrações”. Para o Papa, trata-se de uma “vaidosa superficialidade”, que pretende “reduzir o ensinamento de Jesus a uma lógica fria e dura que procura dominar tudo”. O pelagianismo, ou melhor, o neo-pelagianismo é, segundo o pontífice, outro erro gerado pelo gnosticismo. A ser objeto de adoração aqui não é mais a mente humana, mas o “esforço pessoal”, uma vontade sem humildade “sente-se superior aos outros por cumprir determinadas normas” ou por ser fiel “a certo estilo católico”. (cf. No. 49 do op. cit.).

O Papa falando das bem aventuranças do Sermão da Montanha (cf. Mateus 5, 1-12) afirma que com este discurso Jesus “explicou, com toda a simplicidade, o que é ser santo” (cf. No.63 do op. cit.). Uma das nove bem-aventuranças: “Bem-aventurados os misericordiosos”, contém para o Papa “a grande regra de comportamento dos cristãos”(cf. Mt. 25, 31-46). No quarto capítulo, Papa Francisco apresenta as características “indispensáveis” para entender o estilo de vida da santidade: “perseverança, paciência e mansidão, alegria, audácia, fervor e humor”. A Exortação Apostólica afirma que: “O caminho da santidade vivido como caminho ‘em comunidade’ e     ‘em constante oração’, que chega à ‘contemplação’, não entendida como evasão que nega o mundo que nos rodeia” (nn110-152).

Francisco chama nossa atenção à importância do discernimento nesta época onde há grandes possibilidades de ação e distração. Ele cita: as viagens, o tempo livre, o uso descontrolado das várias tecnologias modernas etc. Ele faz uma alerta especial aos jovens expostos “em mundos virtuais distantes da realidade”. Podemos dizer que o Papa Francisco dá indicações sobre como viver a santidade – um chamado que é para todos – no mundo atual que apresenta tantos desafios, riscos e oportunidades à fé.

 

Última atualização: 17/04/2018 às 08:08:01
 

Notícias Relacionadas

09/04/2018    ANUNCIAÇÃO DO SENHOR
02/04/2018    RESURREXIT SICUT DIXIT ALLELUIA
20/03/2018    São José
13/03/2018    São Clemente Maria Hoffbaur
07/03/2018    São João de Deus
 
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Comente este artigo

Nome:
Nome é necessário.
E-mail:
E-mail é necessário.E-mail inválido.
Comentário:
Comentário é necessário.Máximo de 500 caracteres.
código captcha
Código necessário.
 

Comentários

Seja o primeiro a comentar.
Basta preencher o formulário acima.

Rua Felino Barroso, 405 -  Bairro de Fátima  •  CEP: 60050-130  •  Fortaleza - CE
Caixa Postal 126 / 60001-970  •  Fone/Fax: (85) 3252-4046

  www.igenio.com.br