Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Outras Notícias - CNBB Nacional e Arquidiocese de Fortaleza

  04/04/2019 

Papa a jornalistas: produzam notícias responsáveis sobre bem precioso da liberdade humana

Francisco recebeu jornalistas alemães nesta quinta-feira (4), no Vaticano, e atribuiu importantes responsabilidades à classe num período atual vivido por uma “evolução preocupante no mundo”, no que tange a liberdade e a dignidade das pessoas. O Papa acrescentou que as Igrejas católica e evangélica auxiliam nesse caminho.
 

Andressa Collet – Cidade do Vaticano

O Papa Francisco recebeu nesta quinta-feira (4), na Sala dos Papas, no Vaticano, um grupo de jornalistas católicos e evangélicos da Alemanha. A delegação participa de um encontro entre as Igrejas e os canais públicos de comunicação daquele país.

 

Ao iniciar o discurso, o Pontífice  saudou os jornalistas e também representantes da Conferência Episcopal Alemã presentes na audiência, além de se congratular pelo evento que reúne as Igrejas e a mídia pública da Alemanha, numa “expressão do diálogo vivo” que “gera compreensão, abre horizontes” e oferece uma oportunidade para “uma troca livre e aberta de informações, opiniões e análises”.

“ Isso vai em benefício dos homens e das mulheres do país de vocês. Encorajo o seu empenho de fazer com que sejam fatos, ao invés de fake news; objetividade, ao invés de boatos; pesquisa de precisão, ao invés de títulos aproximativos. ”

O Papa Francisco, então, atribuiu importantes responsabilidades aos jornalistas presentes que produzem o material que vai ao ar nos canais públicos da Alemanha ao afirmar:

“Há algum tempo estamos assistindo a uma evolução preocupante no mundo: a contestação do direito à vida, a eutanásia que está avançando, a negação da igualdade social, a falta de integração, a violação da dignidade humana e da liberdade de consciência. Nesse contexto, aos media públicos cabe a responsabilidade de tomar uma decisão definida para o bem precioso da liberdade humana.”

Francisco acrescentou que inclusive as Igrejas apoiam os jornalistas nesse caminho, já que foi confiada a elas a missão de Cristo. O Pontífice, ao finalizar o discurso, ainda agradeceu pelo trabalho desenvolvido em prol da comunicação e convidou que, sempre dentro da atividade diária do jornalismo, haja espaço para divulgar as “boas notícias”.

“ Como jornalistas, vocês colocam as pessoas ao centro da atenção, com a intenção de oferecer a sua contribuição para que a vida delas seja e permaneça digna de ser vivida. Espero que, nas reportagens de vocês, nunca faltem as coisas boas, as tantas boas notícias que valem a pena ser contadas e que dão esperança. ”

 

Fonte: VATICAN NEWS
Última atualização: 04/04/2019 às 09:56:39
 
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Comente esta notícia

Nome:
Nome é necessário.
E-mail:
E-mail é necessário.E-mail inválido.
Comentário:
Comentário é necessário.Máximo de 500 caracteres.
código captcha
Código necessário.
 

Comentários

Seja o primeiro a comentar.
Basta preencher o formulário acima.

Rua Felino Barroso, 405 -  Bairro de Fátima  •  CEP: 60050-130  •  Fortaleza - CE
Caixa Postal 126 / 60001-970  •  Fone/Fax: (85) 3252-4046

  www.igenio.com.br